MARCIO LUIS
  • PROGRAMAÇÃO MUSICAL VARIADA com DAMASCENOMARCIO LUIS

Notícias

Menu de Ações

Vale registra 175 denúncias contra policiais em 2017

Fonte: ovale.com.br
Apesar da queda de 4,3% na região, maiores cidades do Vale -- São José e Taubaté -- vão na contramão e registram alta no número de queixas Apesar da queda de 4,3% na região, maiores cidades do Vale -- São José e Taubaté -- vão na contramão e registram alta no número de queixas

 Relatório da Ouvidoria da Polícia do Estado de São Paulo

aponta que 175 denúncias foram realizadas contra policiais nas

39 cidades da RMVale somente no primeiro semestre do ano,

os dados mostram queda de 4,3% no número de reclamações em

comparação com o mesmo período do ano passado, quando 183

queixas foram prestadas, o equivalente a uma ocorrência por dia, em média.

"A região do Vale do Paraíba tem que ser prioridade do Estado

porque realmente é a mais cobiçada pela bandidagem,

não só porque tem dinheiro, mas porque é onde transita droga

pela Dutra, que é o canal do eixo Rio-SP",

disse Júlio César Fernandes Neves, ouvidor da polícia do Estado.

Campeã em ocorrências, a Polícia Militar recebeu 104

denúncias nos primeiros seis meses do ano, enquanto a

Polícia Civil contabilizou 69. Apenas duas denúncias tiveram

participação de ambas as corporações.

A maior alta foi registrada no número de homicídios cometidos

por policiais: com três no ano passado, o número subiu para 10 este ano (233,33%).

"Temos batalhado muito para diminuir a letalidade policial.

Nós temos um número absurdo de letalidade,

principalmente praticado pela PM, Então, a gente tem

cobrado para que seja cumprido o uso defensivo do armamento,

somente em último caso, de legitima defesa", afirmou Neves.

Queixas de corrupção passiva subiram 85,71%,

passando de sete para 13. Reclamações por ameaça

tiveram alta de 75%, de quatro para sete. Já má qualidade

no atendimento caiu 11%, passando de 36 para 32 ocorrências.

Abuso seguiu a tendência e teve queda de 33%, de 12 para oito.

Agressão caiu pela metade, de oito para quatro.

"A consequência do sucateamento policial é a má qualidade do

atendimento. Você chega num distrito policial e não tem ninguém

pra te atender. Muitas cidades não têm delegado", disse o ouvidor.

Na contramão, São José e Taubaté, as duas maiores cidades

da região, registraram alta nas reclamações realizadas contra

policiais na Ouvidoria. Nos primeiros seis meses do ano,

o índice em São José passou de 42 no ano passado para 50 este ano,

alta de 19%. Na vizinha Taubaté, o aumento registrado foi de 27 para 30,

(11%). Já Jacareí registrou baixa de 80%, queda de 10 para 2 em relação ao ano passado.

O Comando da Polícia Militar no Vale destacou que as denúncias

representam a proporção de 0,06% do número de ocorrências

atendidas pela PM na RMVale. Ao todo, 104 denúncias de

práticas de irregularidades cometidas por policiais militares

foram realizadas no semestre. Já a Polícia Civil,

que acumulou 69 denúncias em seis meses, informou que a

maior parte das reclamações são referentes ao atendimento.

"Todas as denúncias encaminhadas ao Deinter 1 são apuradas.

Se ficar demonstrada, ao menos em tese, a prática de infração funcional,

a Corregedoria é informada. Muitas das denúncias recebidas dizem

respeito a mau atendimento ou demora no atendimento.

As outras acaba se revelando inverídicas. Importante frisar que todas

são averiguadas", disse o delegado do Deinter-1, Leon Nascimento Ribeiro.

 

Capital Fm 88,3 Mhz © 2011
- - / - Brasil
Tel (12) 3653-5888 - Fax http://www.capitalfm883.com.br
Valid XHTML 1.0 Transitional Valid CSS
Desenvolvimento, Streaming e Hospedagem por:
Fábrica Host